Logo Rastreadores

O inglês ensinado nas escolas é o suficiente para os brasileiros?

Nossas crianças têm introdução à língua inglesa desde o ensino fundamental, mas será que é o suficiente para sua formação? Descubra se o inglês ensinado nas escolas substitui os cursos.

O inglês ensinado nas escolas é o suficiente para os brasileiros?

Imagem: sproutly.com.br

Considerando que as crianças brasileiras já têm aulas de inglês desde o ensino fundamental, até se formarem no ensino médio elas deveriam estar fluentes, não acha? Embora sejam anos de contato com a língua, o ensino brasileiro “peca” nesse quesito. Sendo assim, as pessoas acabam recorrendo aos cursos de inglês, onde a maior parte precisa aprender desde o início, ou seja, o famoso verbo “to be”.

Quer saber como os cursos preparam seus alunos? Eu já escrevi sobre isso, 😉

Sobre o inglês ensinado nas escolas

O inglês é a língua mais importante do universo e quem fala fluentemente, tem portas abertas para um bom emprego, além da maior facilidade no mundo do entretenimento. Mesmo que exista tal importância, as escolas encaram como um grande desafio o ensino da língua inglesa.

Porém, as escolas brasileiras diferem das escolas do Canadá e da Austrália, por exemplo, já que por lá o inglês é mais focado e as crianças saem falando fluentemente. É claro que existem escolas que adotam uma política diferenciada no ensino dessa língua, mas isso ainda é a minoria. Sem contar no programa desenvolvido pelo MEC, o Idiomas sem Fronteiras, que visa alcançar universitários de todo o país para melhorar o seu nível de inglês.

Porém, é triste que as escolas estaduais e municipais, principalmente, não adotam um método de ensino a língua inglesa mais focado, com um trabalho de maior qualidade e adoção de recursos tecnológicos para que o inglês ensinado nas escolas seja mais proveitoso. Citamos as escolas militares e federais como exemplos de escolas que apresentam uma prática diferenciada, além das escolas particulares.

Quer saber por que matricular o seu filho em uma escola de inglês? Te dou alguns motivos, 🙂

Porém, mesmo que a escola seja particular, são poucas as que desenvolvem um método de ensino bom o suficiente para que seus alunos saiam de lá falando fluentemente a língua estrangeira. Com isso, os que realmente percebem a importância do inglês para sua vida profissional, acabam optando em fazer cursos.

O que falta nas escolas para o ensino da língua inglesa

O inglês ensinado nas escolas é o suficiente para os brasileiros?A maioria das escolas no Brasil não oferece suporte para uma aula mais proveitosa e dinâmica. É importante que cada uma foque em oferecer instrumentos específicos para dar aula de inglês, como vídeos, séries de TV, filmes, documentários e músicas, mas tudo sem tradução.

Dessa forma os alunos terão maior contato com o inglês de um jeito que facilita no aprendizado. Enquanto as escolas não modernizarem seus métodos de ensino à língua inglesa, seus conteúdos serão irrelevantes aos alunos. Se os jovens aprendem inglês através dos jogos e por meio da internet, por que não explorar esses métodos em sala de aula?

Você sabia que pode aprender inglês em casa mesmo e de forma online?

O que o curso de inglês oferece

Um bom curso de inglês oferece quatro habilidades aos seus alunos, onde eles vão trabalhar o falar, ouvir, escrever e ler. Os cursos ensinam a língua inglesa para que os alunos aprendam a falar fluentemente a língua, enquanto que as escolas preparam os alunos apenas para passar no vestibular.

Durante o curso, como acontece na maioria, os alunos só podem falar na língua inglesa, o que contribui muito para o seu aprendizado e isso não ocorre nas escolas.

Que tal conhecer a minha lista de atitudes que ajudam a potencializar o seu inglês?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Pular para a barra de ferramentas