abril 29 2014

Anna Raphaela Drumond

O alfabeto em inglês é diferente?




Aprendendo as letras

Uma das primeiras coisas que aprendemos, ainda na pré-escola é o reconhecimento de algumas letras. Primeiro as vogais e depois as consoantes. Na alfabetização, estudamos incansavelmente o alfabeto, seus sons, suas combinações, e começamos a reconhecer quando as letras estão em sequência, ou seja, as palavras.

Quando dominamos o alfabeto, basicamente, já sabemos escrever. Mas como será que isso acontece em outra língua como o inglês? Será que o aprendizado é diferente?

As letras do alfabeto em inglês

Se você aprendeu a escrever antes de 2009, provavelmente conheceu um alfabeto diferente. Depois da última reforma ortográfica, algumas letras que não faziam parte do alfabeto na língua portuguesa passaram a integra-lo. São elas K, Y e W. Essas letras são velhas conhecidas de quem fala inglês, e muito usadas nas palavras dessa língua. O restante permanece o mesmo, mas somente na grafia, porque na pronúncia… A coisa é bem diferente!

O alfabeto escrito em inglês

A – B – C – D – E – F – G – H – I – J – K – L – M – N – O – P – Q – R – S – T – U – V – W – X – Y – Z. Até aí nada de diferente, certo? Pois é, na maioria das línguas, esse é o alfabeto básico. No caso, do inglês, é idêntico ao do português pós-reforma. O que difere na verdade é a combinação das letras e o fonema que elas formam, o que, na maioria dos casos, não existe em português.

Por exemplo, a combinação das letras T e H o “th” é muito comum na língua inglesa, e ao contrário do que muitos pensam, não tem o som de “t”. Essa combinação deve ser pronunciada mais ou menos como se pronuncia a letra “d” em português, porém, com a língua entre os dentes, expelindo o ar para fora da boca. A combinação “CH” em inglês é outro exemplo, muito diferente da pronúncia em português. Enquanto em português essa combinação resulta no som de “x”, em inglês pode ter o som de “Q” ou ainda de “tch”.

A pronúncia do alfabeto em inglês

Enquanto na escrita o alfabeto é o mesmo, na pronúncia tudo muda de figura. Para aprender, não há macetes ou atalhos. Temos que estudar! E como podemos fazer isso? É simples: falando, falando e falando.

Para facilitar a pronúncia, elaboramos uma tabela com a pronúncia em inglês como se estivesse sendo lido em português. Você pode ler em voz alta sem medo, pois estará pronunciando corretamente o nome das letras do alfabeto em inglês.

Confira a tabela:

Motorista

VOCÊ QUER FALAR INGLÊS DE VERDADE?

Solicite uma proposta agora mesmo e receba várias opções de cursos para você sair na frente!

Qual é o tipo de curso?

a = êi
b = bí
c = cí
d = dí
e = í
f = éff
g = djí
h = êitch
i = ái
j = djêi
k = kêi
l = él
m = êm
n = ên
o = ôu
p = píi
q = quíu
r = ár
s = éss
t = tíi
u = iúu
v = víi
w = dâbliu
x = écs
y = uái
z = zíi ou “zed”, na Inglaterra.

Note que nas letras como Z ou T, temos um som prolongado da mesma letra, sendo a primeira mais forte e a segunda mais fraca (íi)… Isso se chama “stress” e é muito importante na língua inglesa, já que a língua não faz uso de assentos gráficos para diferenciar as sílabas. Mas isso é um assunto para mais adiante.

Treinando para alcançar a pronúncia perfeita

Assim como em português, em inglês as abreviações são muito usadas. E para entendê-las, é preciso dominar os sons do alfabeto. Siga a tabela para treinar e conseguir pronunciar corretamente as letras do alfabeto em inglês. A famosa musiquinha “ABC” parece boba mas é de grande ajuda, já que a melodia ajuda na memorização.

Para aprender não há segredo: treino, estudo e exercícios. Uma vez aprendido, você não irá mais esquecer como falar as letras do alfabeto! Continue treinando e até a próxima!


Discussão

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário