Quotes

Se você falar com um homem numa linguagem que ele compreende, isso entra na cabeça dele. Se você falar com ele em sua própria liguagem, você atinge seu coração.

Nelson Mandela

A aprendizagem é um tesouro que vai acompanhar seu dono em todos os lugares.

Provérbio Chinês

maio 26 2014

Anna Raphaela Drumond

Dicas para melhorar a conversação em inglês

Todo mundo busca falar inglês, seja porque tem vontade ou porque é bom para o currículo. Mas a maioria das pessoas sente dificuldade em falar, em conversar e não sabe porquê. Muitas pessoas que estudam inglês e que não alcançam seus objetivos acham que o inglês é difícil ou que “trava” na conversação por timidez. E como fazer para falar em inglês?

Tenho vergonha do meu sotaque

Ter medo de falar por vergonha do sotaque é uma reclamação comum. Mas aprenda uma coisa: “ter sotaque” não quer dizer “falar errado”. Pense em estrangeiros que falam português. Eles têm sotaque? Sim. Você entende o que eles falam? Sim. O mesmo acontece com quem fala inglês. Portanto fale sem medo e vergonha. O sotaque é um “bem” linguístico muito valorizado e não é motivo de má comunicação.

Motorista

VOCÊ QUER FALAR INGLÊS DE VERDADE?

Solicite uma proposta agora mesmo e receba várias opções de cursos para você sair na frente!

Qual é o tipo de curso?

Tenho medo de falar errado

Medo de errar é comum, até quando falamos nossa própria língua. Quando falamos errado, somos julgados pelos outros. Isso pode até ser embaraçoso, mas é importante que saiba de uma coisa: você vai errar ao falar inglês. Até mesmo quem domina o idioma, não está livre de erros. Aliás, os erros são importantes no aprendizado, porque você sempre se lembra deles, e daí pode corrigi-los e aprender de verdade. Portanto, você VAI e DEVE errar, mas não deixe que isso te atrapalhe. Se você errar, dificilmente um estrangeiro vai ficar te corrigindo. Ele verá o esforço que você está fazendo. Aliás, ficar corrigindo os outros durante uma conversa é falta de educação, até mesmo em português.

Não tenho onde ou com quem praticar

Se você pensar bem, isso não é verdade. Se você faz alguma aula/curso/escola de inglês, você deve aproveitar essa chance para praticar. Tudo ali está a seu favor: as pessoas querem falar e o professor está ali para te ajudar. Se você não faz aula, a internet é sua melhor amiga. Existem milhares de sites, salas de bate-papo e rede sociais de idiomas para praticar. E não precisa ter vergonha: ninguém te conhece, não é verdade? Se você tem contato ou conhece estrangeiros que falem inglês, essa é a sua oportunidade. Caso seja no trabalho, aproveite o momento do café ou do elevador para puxar conversa. Assim a prática fica desvinculada do trabalho e não tem tanto “peso” para você.

Antes de falar, ouça.

Pense que falar em inglês é o mesmo que falar em português. Antes de falar suas primeiras palavras quando era bebê, você passou muito tempo apenas ouvindo e aprendendo o que os seus pais falavam. Por isso pratique a escuta, ou o listening, pois essa é a chave o aprendizado. Ao ouvir, aprendemos inconscientemente, nos lembramos das coisas e sentimos mais segurança da hora de falar. Na verdade, quando você aprende a ouvir, a fala acontece naturalmente. O importante é achar um método para ouvir que seja agradável para você. Você encontra dicas para melhorar o listening aqui.

Mito ou verdade

Existem muitas dicas para “destravar” a conversação, promessas de cursos etc. Máximas como “tem que morar fora”; “ domine o vocabulário básico”; “assista filmes sem legenda” não funcionam para todo mundo. Não existe “certo” ou “errado” na hora de falar, existe o compreensível e o não compreensível. Porém, a prática é sempre a melhor saída. Encontre a maneira com a qual você se sinta mais a vontade para praticar e siga-a. Você verá que os resultados irão aparecer.


Discussão

Escola Do inglês agosto 27, 2015 at 9:44 pm

Muito boas dicas. Penso que o principal obstáculo para quem quer falar em inglês é o medo de errar. Isto apavora muita gente, inclusive a mim.

Postar um comentário